Poética Felicidade

Por que estamos sempre no seu encalço?

é isso efetivamente o que vale?

buscá-la a todo preço?

 

Felicidade…

tem idade ou é algo desprovido de fator etário?

alguém já encontrou?

está ligada a algo hereditário?

 

Felicidade…

o dinheiro pode comprá-la?

alguém pode vendê-la?

todos podem fruí-la?

 

Felicidade…

ela está nas pequenas ou nas grandes coisas?

ela se originou com o surgimento de Cristo ou de Maomé?

ela está em todas as casas?

 

Felicidade…

é algo tão simples?

é algo tão complexo?

é algo totalmente sem nexo?

 

Felicidade…

você pode explicar?

você pode elaborar?

você pode se preparar?

Parece-me algo de tal maneira idiossincrático

que até pode advir de um processo sintático.

(Autoria de João Conrado Blum Júnior; escrito em abril de 2008)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: